Pesquisa futura/Modalmais indica vitória de Bolsonaro no maior colégio eleitoral do país





O levantamento futura/Modalmais está registrado no TSE sob os número BR-06588/2022 e foi realizado entre 26 e 28 de setembro, ouvindo 1 mil eleitores.


O mais recente levantamento do instituto Futura, encomendado pelo Modalmais, apenas com eleitores de São Paulo, mostrou que o presidente Jair Bolsonaro, do PL, venceria a corrida pelo Palácio da Planalto no segundo turno.


De acordo com a pesquisa publicada nesta quinta-feira, no cenário estimulado de primeiro turno com os quatro principais candidatos à presidência, Bolsonaro marcou 46,1% das intenções de votos. Lula, por outro lado, somou 34,1%.


A senadora Simone Tebet, do MDB, tem 7,4%, enquanto o ex-governador Ciro Gomes, do PDT, somou 6,8%. Brancos e nulos totalizaram 4,2%, e os que disseram que não votariam ou estão indecisos, 1,6%. Em cenário de segundo turno, Bolsonaro tem 50,4% das intenções de votos, enquanto Lula, 39,7%.


O levantamento também mostrou que, para 47,8% dos eleitores, a preocupação com a volta do Partido dos Trabalhadores ao governo federal é maior que a permanência da atual gestão, enquanto para 38% é pior se o governo Bolsonaro continuar no poder.


Na avaliação do atual governo, 44% dos entrevistados o classificaram como ótimo ou bom, 23% disseram ser regular e 31,2% avaliaram como ruim ou péssimo.


A pesquisa Futura/Modalmais foi realizada entre 26 e 28 de setembro e ouviu 1 mil entrevistados por contato telefônico no estado de São Paulo. O levantamento está registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob os números SP-03528/2022 e BR-06588/2022.


Com informações do Portal de Prefeitura.