Nilo Coelho convidou Bolsonaro para almoço após evento em Conquista.


Se o governador Rui Costa (PT) não faz qualquer cortesia ao presidente Jair Bolsonaro (PSL), o ex-governador Nilo Coelho (PSDB) faz. O tucano revela que convidou o capitão para um almoço em sua casa após a inauguração do aeroporto de Vitória da Conquista, na manhã desta terça-feira (23), mas o presidente recusou.


"Eu ficaria muito satisfeito se ele pudesse estar presente lá, mas parece que ele tem uma reunião em Brasília, 15h30, e ele estaria voltando por causa dessa reunião", explica Coelho ao Bahia Notícias. 


Mesmo sem Bolsonaro, o encontro deve acontecer com a presença de políticos como o prefeito de Vitória da Conquista, Herzem Gusmão (MDB).


Opositor ao governo estadual, Coelho também criticou a atitude do governador petista, que não autorizou a Polícia Militar a fazer o policiamento do evento. Com sua presença reduzida na inauguração, antes de anunciar a desistência, o governo estadual teria direito a apenas 100 dos 600 convites disponíveis. Rui afirmou que não pode "colocar policiais militares para espancar o povo baiano". "Quem é impopular e tem medo de ir para às ruas, fica no seu gabinete", alfinetou em entrevista à rádio Metrópole no início da manhã.




Fonte: Bahia Notícias