Covid-19: Juazeiro reabre agendamento para vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos



A Prefeitura de Juazeiro, através da Secretaria de Saúde (Sesau) abriu o agendamento para vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos contra a Covid-19. O município também retomou a aplicação da dose de reforço neste sábado (06). Neste sábado está suspensa a aplicação da segunda dose contra a Covid-19.


Agendamento - adolescentes 12 a 17 anos


Este público precisa realizar agendamento na plataforma vacina.juazeiro.ba.gov.br. O agendamento segue até a duração das doses. A vacinação será realizada neste sábado (06) e na segunda-feira (8).


-Sábado (06)


A vacinação, neste sábado, será das 8h às 12h, nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) Argemiro, Mussambê, Dom José Rodrigues, João XXIII, Itaberaba, João Paulo II, Tabuleiro, São Geraldo e Alto da Maravilha. Serão agendadas 100 doses por unidade.


-Segunda-feira (8)


A vacinação dos adolescentes agendados na segunda-feira (8) será na Uneb com 300 doses, das 8h às 14h.


É preciso levar RG, CPF, cartão SUS e comprovante de residência. Os adolescentes precisam estar acompanhados de pais ou responsáveis.


Dose de Reforço (3ª dose)


Poderão receber a dose de reforço: idosos, residentes em Juazeiro, com 60 anos ou mais e que tenham intervalo de 6 meses em relação à última dose; profissionais de saúde ativos e lotados em Juazeiro e que tenham intervalo de 6 meses em relação à última dose; e imunossuprimidos que possuam intervalo de 28 dias em relação à última dose.


A vacinação deste público será na Univasf, das 8h às 11h30. É preciso levar RG, CPF, cartão SUS, comprovante de residência e cartão de vacina. O trabalhador de saúde deve levar também o comprovante de vinculo empregatício atualizado (a exemplo do contracheque). Os imunossuprimidos também precisam levar original e cópia do laudo médico (a cópia ficará retida).


São considerados imunossuprimidos as pessoas com doenças reumáticas imunomediadas sistêmicas em atividade e em uso de dose de prednisona ou equivalente > 10 mg/dia ou recebendo pulsoterapia com corticóide e/ou ciclofosfamida; demais indivíduos em uso de imunossupressores ou com imunodeficiências primárias; pacientes oncológicos que realizaram tratamento quimioterápico ou radioterápico nos últimos 6 meses; neoplasias hematológicas.


Com informações da Ascom Sesau PMJ

Comente e Compartilhe!