Bahia: PT continua com a novela e novos personagens - Wagner x Rui x Leão




Os rumores de discórdia entre o governador da Bahia, Rui Costa - PT e o senador Jaques Wagner – PT, que é veiculado todas as semanas, ganhou um novo capítulo com as falas do vice-governador, João Leal – PP, que estava nos bastidores se alinhando com o Partido dos Trabalhadores, declarou que pode migrar e apoiar o candidato ao governo do Estado ACM - União Brasil. As declarações de João Leão, foram divulgadas, após o senador petista desalinhar diálogos já firmados com o Partido Progressista.


O senador Jaques Wagner em entrevista declarou que "A retirada da minha candidatura não implica na retirada da candidatura do PT. Quem decidirá se terá candidatura ou não, não sou eu, será o Partido”, afirmou Wagner. Além, de ainda acrescentar há alguns dias que "Rui ficará no governo até o final do mandato", declarações que não foi bem recebida pelos aliados.

Para o vice-governador sem definições no PT, o seu partido pode seguir outros caminhos, como ter candidato próprio ao governo da Bahia ou ainda mais eminente apoiar o outro candidato. Mas, essas indefinições ainda devem ocupar muitas páginas de notícias, até os partidos fecharem seus apoios no Estado.


Todas essas declarações são frutos das incertezas se Rui Costa permanecer no governo ou se vai sair candidato ao Senado, aí entra Jaques que não quer o governo e também tem pretensão no Senado. Com todas essas indecisões ainda aparece o nome de Otto Alencar – PSD-BA, para o governo com a chancela do ex-presidente Lula – PT, mas que também quer é a reeleição ao Senado.


As especulações depois de tanto coloca nome e tira nomes para candidato ao governo, aparece uma nova personagem para misturar tudo, a candidata escolhida por juristas, a prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho (PT).


Vamos aguardar as próximas declarações e a dança de cadeiras, ainda promete muitos ritmos.



Informações A Folha

Comente e Compartilhe!