Articulador da campanha de Jerônimo, Geddel Vieira Lima ofende ex membro da cúpula do PT



Vieira Lima foi ministro de Lula e condenado por lavagem de dinheiro e associação criminosa.

Articulador da campanha de Jerônimo Rodrigues (PT) ao Governo da Bahia, Geddel Vieira Lima (MDB), voltou a aparecer na mídia após ataque a ex-vice-presidente estadual do PT na Bahia, Célia Regina Arouca, que fez um desabafo nas redes sociais, no último sábado (15). Após fazer um post na sua rede social opinando sobre o apoio de Geddel à campanha de Jerônimo Rodrigues ao governo da Bahial, a ativista social foi contatada, através de mensagem direta pelo perfil de Geddel, tentando calar as críticas de Célia contra a aliança do PT na Bahia e o MDB.


O ex-ministro de Lula escreveu: “Vamos fazer um acordo? Eu calo a boca e vc vai dá (sic!) meia hora de c*, difícil vai ser achar quem queira comer, pela foto, você está uma velha bem caidinha, então, sem acordos mesmo. Vai dar o c*”, escreveu o articulador da campanha de Jerônimo Rodrigues.


Célia ainda completou: “O ambiente político está cada dia mais misógino, machista, racista e homofóbico. Quem acompanha minha trajetória, sabe que ajudei por 20 anos a construir o @ptbahia. Mas, na mesma noite em que @ruicostagov anunciou o vice de @jeronimorodriguesba, indicação de @geddel_113, na mesma noite me desfiliei e migrei para o @psolbahia que me acolheu com honra”, disse.


Veja o diálogo divulgado por Célia Regina na sua rede social:


Condenado


Ex-ministro do governo de Luiz Inácio da Silva (PT), Geddel Vieira Lima (MDB) foi às redes sociais no dia seguinte à entrevista do petista no Jornal Nacional para endossar seu apoio ao ex-presidente. Condenado pelos crimes de lavagem de dinheiro e associação criminosa, após malas de dinheiro com R$ 51 milhões em espécie serem encontradas em um apartamento em Salvador.



Da Redação com informações do Informe Baiano e Rede Social Instagram

Imagens: Reprodução internet e Rede Social @celiaregina.arouca