Arma de ex-ministro dispara acidentalmente em aeroporto de Brasília; funcionária é ferida

Caso ocorreu no balcão da Latam, no final da tarde desta segunda-feira (25); ex-ministro iria de Brasília para São Paulo. Funcionária da Gol, que estava perto, foi atingida sem gravidade.

Imagem: Arquivo

A arma do ex-ministro da Educação, Milton Ribeiro, disparou acidentalmente, no final da tarde desta segunda-feira (25) no balcão da companhia aérea Latam, no Aeroporto Juscelino Kubitschek, em Brasília. Uma funcionária da Gol, que estava e m um guichê vizinho, foi atingida por estilhaços, mas sem gravidade

De acordo com informações da CNN Brasil, o disparo aconteceu por volta de 17h, quando ele estava no balcão da Latam. A companhia aérea Gol emitiu nota informando que uma funcionária foi socorrida e atendida por profissionais de saúde no local e passa bem. O nome da vítima não foi divulgado.


Após o episódio, Ribeiro foi levado à Superintendência da Polícia Federal do Distrito Federal para prestar esclarecimentos e disse que houve um acidente ao se dirigir ao embarque.


Em depoimento à Polícia Federal, o ex-ministro afirmou que depois de abrir sua pasta de documentos, pegou a arma para separá-la do carregador "dentro da própria pasta" e foi o momento em que teria ocorrido o disparo. À corporação, Ribeiro disse ainda que, por medo de expor sua arma de fogo publicamente no balcão, ele teria tentado desmuniciá-la dentro da pasta. "Como havia outros objetos dentro da pasta, o local ficou pequeno para manusear a arma", justificou o ex-ministro. "O projétil atravessou o coldre e a pasta e se espalhou pelo chão", disse.



Redação Cartaz da Cidade (s)