Após críticas sobre convocação para a Copa do Mundo, juazeirense Daniel Alves se pronuncia: vídeo


Lateral-direito foi anunciado entre os 26 escolhidos para compor a Seleção Brasileira


O lateral-direito Daniel Alves, de 39 anos, se pronunciou após ser anunciado como um dos escolhidos por Tite para a compor a Seleção Brasileira que irá disputar a Copa do Mundo do Catar. Após a convocação, realizada nesta segunda-feira, 7, na sede da CBF no Rio de Janeiro, o atleta exaltou o anúncio e rebateu críticas, ao afirmar que "não estamos aqui para agradar todo mundo".


O nome de Dani Alves entre os convocados causou polêmica e provocou reações entre torcedores nas redes sociais. Em um vídeo divulgado pela sua assessoria de imprensa ao jornal Extra, Dani Alves exaltou a convocação, afirmando que "as lágrimas que eram de tristeza, hoje são de alegria", fazendo referência a quando ficou de fora da Copa do Mundo de 2018 por conta de uma lesão.


"Quatro anos se passaram e estamos aqui novamente, depois de tanta luta, tanto foco, tanta disciplina, elas valeram a pena porque me trouxeram aqui com essa possibilidade de estar participando de uma competição tão grandiosa quanto é o Mundial na vida e na carreira de um atleta profissional", afirmou.


Dani Alves também rebateu as críticas sobre sua convocação. "Infelizmente não estamos aqui para agradar todo mundo, nem é o meu objetivo, mas estamos aqui para não falhar com aqueles que confiam na nossa entrega, na nossa dedicação, no amor que sentimos por esse esporte, por vestir essa camisa", finalizou.


Tite


Durante a coletiva pós-convocação, Tite justificou o anúncio de Dani Alves entre os 26 jogadores que irão para o Catar. Segundo a comissão técnica da Seleção, após não ser convocado para a Data Fifa de setembro, por causa de números baixos em critérios de força e potência, Dani Alves passou a treinar com o Barcelona de olho na Copa do Mundo e apresentou melhoras que o chancelaram ao Mundial.


Tite repetidas vezes atrelou a sua escolha à importância técnica e tática do lateral. "As pessoas tem que entender que os laterais na Seleção Brasileira, a medida que se tem pontas, não tem lateral que vai trabalhar na ponta, vai ter lateral construtor.


"A qualidade técnica individual que o Dani Alves empresta nesse quesito é impressionante, por ele ser um articulador, essa é função dele e é isso que ele pode nos proporcionar, além de outras virtudes. Ele é um dos capitães da equipe, e normalmente é o atleta mais longevo, mas isso depende da escalação", afirmou.


Assista o vídeo:



Com informações do site Terra e do Ge Esporte.