Agência Internacional de Energia Atômica escolhe Juazeiro para Centro de colaboração

Atualizado: 17 de jul.



Juazeiro mais uma vez é destaque em pesquisa, ciência e tecnologia. Nesta segunda-feira, dia 11, uma comitiva da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) representada pela Diretora Geral Adjunta, Dra. Najat Mokhtar esteve visitando a Biofábrica Moscamed Brasil localizada no Distrito Industrial junto com autoridades locais a exemplo do secretário de saúde de Juazeiro, Fernando Costa; a superintendente de vigilância em saúde, Carolina Moraes e o diretor de Vigilância em Saúde, Djalma Amorim.


A diretora da agência assinou com o diretor presidente da Biofabrica Moscamed Brasil, Jair Virginio, a renovação do contrato com a Moscamed como Centro Internacional Colaborativo de Pesquisa.


Integrou a comitiva, o diretor de cooperação técnica Raul Ramirez; o consultor nacional da Organização Pan-Americana da Saúde – órgão ligado à Organização Mundial da Saúde, Rodrigo Said; e o Diretor de Gestão Institucional da Comissão Nacional de Energia Nuclear – CNEN, Rogério Barbosa.


O Secretário de Saúde de Juazeiro falou sobre o apoio do município ao Centro de colaboração e sobre o futuro no combate às muriçocas.


Ao final da visita, a comitiva participou da liberação dos mosquitos estéreis no distrito de Carnaíba, a 20 km de Juazeiro. A demonstração caracteriza a etapa final do projeto de supressão populacional do mosquito.



Moscamed Brasil


Há 17 anos, a Moscamed Brasil desenvolve projetos na área de fruticultura irrigada com o controle das moscas-das-frutas no campo, e na saúde com o Projeto Aedes Estéril – PAE, que suprime a população de mosquitos nas comunidades. Para mais informações acesse o site da biofábrica.


Veja reportagem completa:




Reportagem: Iana Lima

Imagens: Ana Maria